casamentoamariabragaglobocorunicaToda noiva gostaria de guardar o seu bouquet de flores como recordação de um momento tão especial, e para que o seu bouquet preserve muitos anos é necessário que saiba diferenciar os tipos de flores ideais para o seu bouquet, para isso, buscamos algumas dicas com uma das maiores especialistas em bouquet de noivas do Brasil, Sra. Sylvia Montenegro que já preparou o bouquet de diversas famosas, entre elas a apresentadora Ana maria Braga.

Flores naturalmente secas ou desidratadas

Os puristas, os clássicos floristas que trabalham com as flores secas não aceitam nem mesmo tingi-las ou usar produtos para ajudar a conservá-las. De cores mais suaves que a flor fresca original, elas formam buquês típicos, quentes e delicados. A flor seca ao natural, mais especificamente, que tem um odor característico que lembra o feno, traz de volta aos nossos sentidos o calor da lembrança de fazendas, do campo. E quem dirá das ervas de jardim que podemos secar, ou as plantas medicinais?

A grande vantagem e prazer deste trabalho é que as flores secas podem ser elementos de seu próprio jardim. São secadas em ambientes secos, arejados e escuros, amarradas em pequenos maços, de cabeça para baixo. O tempo para a desidratação varia muito em função do tipo de flor e das condições do local onde serão postas para secar.

Alguns exemplos de flores que secam bem: acrolinium, ageratum, amarantus caudatus, ammobium, anethum gravealens, centárueas, carthamus tintorius, celósia cristata, celósia plumosa, amaranthoide, sempre-vivas, rosa da índia, salvia officinalis, estatices, zínias, girassóis, delfíniums, lavanda, gypsophila, rosas, moeda do papa, aveia, trigo, sorgo, arroz, etc…

Em países úmidos como o Brasil, em geral são usadas estufas, para evitar que a umidade mofe as flores.

Flores naturais desidratadas com sílica gel dessecante

O que é a sílica? É um composto sintético, cuja principal matéria-prima é o silicato de sódio.

Possui propriedades higroscópias e absorventes, isto é, grande capacidade em retirar moléculas de líquidos e gases do meio em que se encontram e armazená-las em seus poros.

Sua aplicação baseia-se no princípio da retirada de umidade residual, não propiciando a formação de colônias de fungos responsáveis pelo mofo e impedindo a oxidação por contato.

Flores Naturais Prensadas – Oshibana

Quem nunca guardou uma flor de valor sentimental em um livro? A base é a prensagem das plantas entre folhas de papel, sob um peso ou pressão.

O sucesso deste processo está, antes de tudo, na paciência de colocar as flores na posição certa de forma que suas pétalas não se estraguem. Depois, você pode colá-las e fazer desenhos – seja um quadro, um cartão, ou o tampo de uma mesa decorativa.

Pode-se combinar folhas prensadas com flores secas, por exemplo. Deixe a sua imaginação voar…

Os japoneses chamam a arte de prensar flores e criar lindos quadros com as mesmas e com recortes das mesmas de oshibana. No Japão um curso completo de Oshibana, assim como o da Ikebana, pode levar anos para ser concluído.

Fonte: Flor de Cor
Por: Sra. Sylvia Montenegro